Agronegócio Destaque Notícias

Mesmo em ano de ‘crise’, Cooperativa de Pedrinhas fecha 2015 com o balanço mais positivo dos últimos 21 anos

Matriz da Cooperativa de Pedrinhas
Matriz da Cooperativa de Pedrinhas

Muito se falou que 2015 foi um ano de crise no Brasil. Mas enquanto especialistas projetam retração do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro acima dos 3,6% para 2015, as cooperativas registraram acréscimo na receita bruta do ano,  com destaque para o elevado índice de exportações, com produtos dos mais variados destinados a diversos países.

A Cooperativa Agropecuária de Pedrinhas Paulista é um exemplo de sucesso financeiro em 2015. Segundo o presidente Franco Di Nallo, os números que serão apresentados na próxima Assembleia Geral Ordinária serão os mais expressivos dos seus 21 anos de mandato frente à entidade.

Para se ter uma ideia, a receita bruta de 2015 da CAP já esta em R$ 196 milhões, frente aos R$ 122 milhões de 2014, registrando um acréscimo de 60%. A receita com comercialização de safras teve um aumento de 96% no ano e o fornecimento de insumos e mercadorias em geral teve um aumento de 10%.

O volume de recebimento de cereais atingiu a quantidade de 2.787.788 sacas, um acréscimo de 7,50%. Já o quadro de associados permaneceu estável e o quadro de funcionários foi fechado com 160, ante os 156 funcionários do ano anterior.

Impressionante é em relação às exportações, onde houve um aumento de 77.751 toneladas, passando de 24.728 para 102.480 toneladas, um acréscimo de 214%. A receita total com as exportações somaram R$ 82.495 mil.

A fábrica de ração deve atingir a produção de 185 mil sacas de NutriCap (a ração fabricada pela Cooperativa), sendo que em 2014 a mesma foi de 167 mil sacas, um aumento de 10,8%.

Para Di Nallo, isso é o resultado de uma soma de fatores que desembocam na constante evolução dos cooperados, que sempre buscam mais tecnologia para obterem expressivos ganhos em produtividade e, assim, manterem a sua competitividade. A CAP fez sua parte, com investimentos na Matriz e filiais, o que agilizou o recebimento de grãos e também o embarque de produtos para exportação.

“Agradecemos a toda a nossa equipe de funcionários e colaboradores por este ano de grande sucesso e, principalmente, aos nossos associados, que nos permitiram alcançar números nunca antes obtidos pela CAP. Isso é o reconhecimento de um trabalho baseado na confiabilidade e solidez de nossa Cooperativa, pois aqui o agricultor sabe que sua produção é dele e só será vendida quando ele autorizar. Nosso muito obrigado a todos e, certamente, estes números continuarão expressivos em 2016”, afirma Franco Di Nallo.

Talvez você goste

Leia Mais